Qual protetor solar escolher: 15, 30 ou 60? Tire suas dúvidas

  • Qual protetor solar escolher: 15, 30 ou 60? Tire suas dúvidas

    Com a chegada da primavera, as temperaturas sobem e o desejo daquele corpo bronzeado também. Por mais que o sol seja fonte de vitamina D, é mais que sabido que seu excesso pode causar danos permanentes à pele.

    A exposição à radiação ultravioleta (UV) tem efeito cumulativo e penetra profundamente na pele, sendo capaz de provocar diversas alterações, como o bronzeamento e o surgimento de pintas, sardas, manchas, rugas e outros problemas. A exposição solar em excesso também pode causar tumores benignos (não cancerosos) ou cancerosos, como o carcinoma basocelular, o carcinoma espinocelular e o melanoma.

    Como escolher um bom fotoprotetor?

    Em primeiro lugar, devemos verificar o FPS, quanto é proteção quanto aos raios UVA, e também se o produto é resistente ou não a água. A nova legislação de filtros solares exige que tudo que o produto anunciar no rótulo, deve ter testes comprovando a eficácia. Outra mudança é que o valor do PPD que mede a proteção UVA deve ser sempre no mínimo metade do valor do Filtro solar. Isso porque se sabe que os raios UVA também contribuem para o risco de câncer de pele.

    O “veículo” do produto – gel, creme, loção, spray, bastão – também tem de ser considerado, pois isso ajuda na prevenção de acne e oleosidade comuns quando se usa produtos inadequados para cada tipo de pele. Pacientes com pele com tendência a acne devem optar por veículos livres de óleo ou gel creme. Já aqueles pacientes que fazem muita atividade física e que suam bastante, devem evitar os géis, pois saem facilmente.

    Confira dicas para não errar na hora de comprar o seu

    Fator 15

    Não importa a cor da sua pele, os dermatologistas recomendam o uso de no mínimo um protetor com FPS 30. Esse número significa que a pele vai demorar trinta vezes mais para ficar vermelha do que se você não estivesse usando nada. Portanto, 15 é um número muito baixo e não cumpre o objetivo de proteger contra o envelhecimento precoce e o câncer.

    Fator 30 até 50

    Esse é o fator mínimo que todo mundo deve usar. Mesmo que tem pele negra, mais resistente a queimaduras por conta melanina (pigmento que dá cor à pele e já funciona como uma proteção). As morenas devem aplicar e investir naqueles que têm FPS 35.

    Nos dois casos, se você não toma sol há tempos, melhor ir devagar – use protetor 50 nos primeiros dias e depois diminua. E quem tem pele clara, mais sensível só que consegue ficar com uma cor dourada, deve usar sempre o 50, pois você sofre os efeitos da radiação solar com facilidade.

    Fator 60 ou maior

    Serve para quem tem a pele muito clara e fica vermelha sempre. Para te ajudar na escolha, saiba que a diferença entre um produto com FPS 60, 70 até os bloqueadores solares, além do poder de proteção, está também na fórmula. Geralmente quanto mais forte o fator maior a concentração de ingredientes que melhoram a aderência dele na pele – isso protege mais nos mergulhos e quando você faz esportes.

    .
    – –
    Fonte: Sociedade Brasileira de Dermatologia

AOS NOSSOS AMIGOS E CLIENTES

Comunicamos que devido as festas de final de ano estaremos em recesso a partir de 21/12/2018 retornando as atividades normais em 02/01/2019

DESEJAMOS A TODOS BOAS FESTAS

EQUIPE DERMAVISUS
DERMATOLOGIA E OFTAMOLOGIA